Boas notícias de grande alegria… Jesus nasceu!

O Filho de Deus veio ao mundo para salvar você. Por isso, celebre esse grande acontecimento

Pare e pense um pouco sobre o motivo da celebração do dia 25 de dezembro:

Ele, Jesus, Deus Filho, vem ao mundo… Nasce na forma de homem, pisa o chão de nosso planeta. Sua missão é revelar o Pai, cumprir a lei, morrer na cruz para nos salvar de nossos pecados, ressuscitar e vencer a morte.

Não foi um nascimento comum… Sua mãe era virgem, concebida pelo Espírito Santo.

Uma estrela brilhou no oriente, anjos vieram contemplar o grande acontecimento. O Criador do Universo está entre os homens! Jesus, o Emanuel, nasceu!

“Naquela noite alguns pastores estavam nos campos, guardando seus rebanhos de ovelhas.  De repente um anjo do Senhor apareceu ao redor deles, e ficaram cercados do brilho da glória do Senhor. Eles ficaram muito aterrorizados, mas o anjo os acalmou.

‘Não tenham medo!’, disse ele. ‘Eu lhes trago boas notícias de grande alegria, e isso é para todo o povo! Hoje, na cidade de Davi nasceu o Salvador, que é o Cristo, o Senhor.

Como vocês vão reconhecê-lo? Vocês encontrarão uma criancinha enrolada num cobertor, deitada numa manjedoura!’

De repente, juntou-se ao anjo uma grande multidão de anjos, o exército celestial, louvando a Deus e cantando: ‘Glória a Deus nas maiores alturas, e paz na terra para todos aqueles que ele quer bem’.

Quando os anjos voltaram para os céus, os pastores disseram uns aos outros: ‘Vamos! Vamos a Belém! Vamos ver essa coisa maravilhosa que aconteceu, a respeito da qual o Senhor nos falou’. Eles correram para lá e encontraram Maria e José, e lá estava a criancinha, deitada na manjedoura” (Lucas 2.8-16).

O nenê na manjedoura? É Jesus, a Palavra, o mesmo citado no Evangelho de João, capítulo1. 1-5,14. Veja:

No princípio era aquele que é a Palavra, e ele estava com Deus e era Deus. Ele estava com Deus no princípio. Por seu intermédio tudo o que existe foi criado. Não existe nada que tenha sido feito sem ele. Nele estava a vida, e esta vida era a luz de toda a humanidade. A vida dele é a luz que brilha no meio da escuridão, e nunca pode ser apagada pela escuridão. […]

Aquele que é a Palavra tornou-se um ser humano e morou aqui na terra entre nós, cheio de graça e de verdade. E vimos a sua glória, a glória do Filho único do Pai celeste!

Deus Eterno numa manjedoura…

Você consegue imaginar a imensidão das galáxias? A profundeza dos oceanos ou a complexidade do cérebro humano? Tudo existe graças a ele! “Por seu intermédio tudo o que existe foi criado. Não existe nada que tenha sido feito sem ele”.

O que fez o Senhor do Universo vir à Terra para viver como cada um de nós, sofrer as nossas dores e morrer na cruz?

Você já deve ter ouvido a resposta, mas, preste atenção, é preciso refletir com seriedade sobre o assunto: – O Criador veio ao mundo para salvar você!

Essas são boas notícias de grande alegria!

É esperança para cada um de nós!

Por isso, o Natal merece ser celebrado em todo seu significado.

Neste dia 25 de dezembro, comemore o maior ato de amor que já existiu: Jesus veio a nosso resgate! Ele sofreu as nossas dores e tomou o nosso lugar na cruz. “Deus mostrou quanto nos amou enviando o seu único Filho a este mundo pecaminoso para que pudéssemos viver por meio dele” (I João 4.9).

Ele ressuscitou, subiu aos céu e voltará em grande glória. E porque somos salvos por ele, podemos aguardar com grande expectativa o dia em que habitaremos a eternidade, para sempre, ao lado do Salvador!

Feliz Natal!

*Trechos bíblicos da tradução da Nova Bíblia Viva, NBV

Leia também:

Inspiração para um Natal repleto de esperança, fé e alegria

Quatro dicas para ler a Bíblia

13 de agosto de 2019

MC entrevista Nelson Junior, idealizador do movimento "Eu escolhi esperar"

13 de agosto de 2019

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *